sábado, 24 de março de 2012

Quanto gasta um eletrodoméstico? Uma lição de Física.

Por vezes, queremos saber quanto gasta um aparelho elétrico. Não conseguiremos saber exatamente quanto, mas é possível saber o máximo que ele pode gastar (desde que não haja avaria).
O cálculo é simples:

energia (kWh) = potência (kW) x tempo(h)

A energia corresponde ao consumo que aparece nas faturas da eletricidade e que é medido em kWh (quilowatt.hora); a potência é aquilo que aparece em todos os eletrodomésticos e que é medido em W (watt) e o tempo deverá ser medido em horas (*).

Vamos a um exemplo:
Um aquecedor a óleo tem uma potência de 2000 W (2kW). Se este aquecedor estiver a funcionar durante uma hora e meia (1,5 h), ele vai gastar, no máximo, 2 x 1,5 = 3 kWh. Pode até gastar menos, e provavelmente gastará, porque ele vai ligando e desligando, durante essa meia hora de funcionamento.
Para calcular o custo deste consumo, basta multiplicar a energia pelo preço do kWh: custo = 3 kWh x € 0,1393 = € 0,4179. Ou seja, este aquecedor vai gastar, naquela hora e meia defunciomanento, no máximo, pouco mais de 41 cêntimos, para quem tiver tarifário normal.


A minha placa elétrica, por acaso, indica-me sempre a potência que o disco está a consumir:


Neste caso, a potência indicada é de 0,6 kW. Se o disco estiver a funcionar durante meia hora (0,5 horas), então a energia que ele vai gastar é, no máximo, de 0,6 x 0,5 = 0,3 kWh. Como tenho o tarifário bi-horário, o custo deste consumo vai depender da hora. Vamos admitir que é num período fora de vazio (energia mais cara). O preço do kWh é de € 0,1551. Assim, o custo daquela meia hora de funcionamento do disco elétrico é de 0,3 x 0,1551 = € 0,05 (aproximadamente).

(*)

Para converter W em kW, basta dividir por 1000:

2000 W = 2000/1000 = 2 kW

Já agora, aproveito para fazer um esclarecimento quanto à classe energética dos eletrodomésticos. Ser de classe A ou A+ não significa que gasta menos, significa apenas que a percentagem de energia que é dissipada (desperdiçada) é inferior nestes eletrodomésticos do que nos de classe inferior. Isto quer dizer que um eletrodoméstico de 200 W (arca congeladora, por exemplo) gasta sempre menos do que um de 2300 W (forno elétrico), mesmo que o primeiro seja de classe C e o segundo seja de classe A. O que pode acontecer é haver uma arca congeladora com potência de 180 W e de classe A. Ela fará o mesmo frio que a outra, mas gasta menos, isto é, a energia que ela gasta é mais bem aproveitada.

Para quem se preocupa com o ambiente, a opção deverá ser sempre pelas classes superiores, para haver menos desperdícios. Todo o desperdício é inimigo da natureza e do ambiente. Fazer boas escolhas na hora da compra e uma gestão correta do funcionamento dos eletrodomésticos também ajuda a poupar dinheiro.

Espero ter sido clara!

9 comentários:

  1. Até pareces uma engenheira das electricidades a falar...lol
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Engenheira, não... professora de Física!

      Eliminar
  2. Boa tarde,
    Tropecei aqui, e gostei da conversa da Srª Prof. de fisica.
    Mas fiquei com uma duvida.
    Na arca referida no esclarecimento, a clase A+ "não significa que gasta menos,significa apenas que a percentagem de energia que é dissipada (desperdiçada) é inferior nestes eletrodomésticos do que nos de classe inferior".

    Ora se a arca de classe A+ não desperdiça tanta energia como a da classe A, o que significa que a transferencia termica entre o interior e o exterior é menor, não significa isto que vai consumir menos??

    Fquei na duvida. Não se importa de me explicar melhor?
    Obrigado.
    E Boas Festas

    Santos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      A resposta é
      a) sim, se a potência for a mesma.
      b) não necessariamente se a potência da que tem classe A+ for superior à que tem classe A-.
      Espero ter esclarecido!
      Um bom ano para si!!!

      Eliminar
  3. Obrigada, foi muito esclarecedora.

    ResponderEliminar
  4. Obrigada adorei a explicação! Muito simples de entender :-)

    ResponderEliminar
  5. mas aqueles aquecedores que têm P=2000W... isso é se estiver completamente no máximo não é? e se for no mínimo, como é que sabemos quanto é que gastamos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguns dizem 1000W/2000W. Nos outros não sabemos...

      Eliminar